MATHEUS, BERGUINHO E OS ABACAXIS DO NOVO PRESIDENTE DO ABC

O ABC tem diretoria desde sábado com o engenheiro Paulo Tarcísio Lopes(foto) assumindo a presidência e o auditor fiscal Tacinildo Pegado a vice-presidência geral.

 

É preciso que se dê a Paulo Tarcísio uma trégua para sair descascando a floresta de abacaxis que começa a descortinar no horizonte alvinegro.

 

O ABC perdeu o atacante Matheus por desleixo. Por absoluta preguiça. Um menino promissor que não deve  ser confundido com craque, mas poderia ajudar muito aos sacrificados cofres do clube em uma possível e provável venda.

 

O caso de Berguinho é ainda pior. O joguinho de culpas de uma diretoria para a outra nesse caso não vale. Uma foi negligente de 2014 a 2016 e a seguinte caprichou na imitação. Outro jogador jovem prestes a deixar o ABC.

 

O presidente Paulo Tarcísio, Tacinildo,  o diretor Fred Menezes o presidente do Conselho Deliberativo, Claudinho Emerenciano, estão costurando osso para resolver os problemas gerados por uma disputa selvagem de incompetências, vaidades e teimosias, aquela nascida em  dezembro de 2015, que dividiu o ABC ao meio e o sangrou até o (novo) rebaixamento pra a Série C.

 

 

Voltar para a capa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *