PEDIDO ARQUIVAMENTO DA INJUSTIÇA CONTRA MARCELO NAVARRO

 

 Pedido arquivamento pelo procurador Janot sobre ilações infundadas a respeito do ministro do STJ, acima de tudo natalense, literato, americano, poeta, boêmio, poliglota, gênio sem chuteiras Marcelo Navarro.

Comose fosse possível a redundância dele mesmo. Verdade o tempo todo. Com lirismo, pois é humano. Inquieto, cantante , fã de Mandrake, herói cinematográfico do craque Rubem Fonseca.

O texto de Marcelo, vítima do crime de linchamento moral, chicotada na alma:

Recebi e compartilho com vocês:

Meus queridos:

Hoje o Procurador-Geral da República pediu o arquivamento da investigação contra mim.
Agora, com a honra restaurada, não posso deixar de agradecer o apoio e a confiança de todos vocês durante esses tempos tão difíceis.
Agradeço, notadamente, àqueles mais chegados, que aliviaram minha angústia e ajudaram nessa travessia tão dura.
E aos que, independentemente da proximidade, defenderam meu nome de público ou nas redes sociais contra a maledicência, a injúria, a difamação e mesmo a calúnia.
Fui premiado com amigos excepcionais, além de uma mulher e filhos que foram minha rocha, meu esteio, e me alimentaram de paciência, esperança e fé, enfim vitoriosas!
Muito, muito obrigado, em meu nome e no de toda a minha família.
Deus os abençoe!

Marcelo Navarro RIBEIRO DANTAS

O factual:

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu nesta quarta-feira (6), o arquivamento da investigação contra o ministro potiguar Marcelo Navarro Ribeiro Dantas, do Superior Tribunal de Justiça.

Janot seguiu o inquérito da Polícia Federal que não encontrou qualquer indício de interferência política na nomeação do potiguar para o STJ.

Com o pedido de arquivamento do Ministério Público Federal, o processo segue para análise do Supremo Tribunal Federal (STF).

 

 

Voltar para a capa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *